segunda-feira, 18 de junho de 2012

CÉLULA, A UNIDADE BASICA DOS SERES VIVOS.

Nessa postagem iremos falar sobre células.


- Bom todos sabe que os seres vivos com exceção do vírus, são compostos por células. Existem seres formados por apenas uma célula, como os protozoários, e outros constituídos por milhões delas.
Atualmente entende-se a célula como um complexo químico tridimensional com intensa atividade, sendo a principal a síntese e transformação de substancias química.
Uma célula é normalmente constituída por membrana, citoplasma e núcleo.
A membrana é uma capa formada por lipídios e proteínas que envolvem a célula.
O citoplasma é um liquido encontrado no interior da membrana. O citoplasma apresenta uma serie de estruturas em seu interior, denominadas organelas citoplasmáticas.


- As organelas citoplasmáticas.

A) Lisossomos: pequenas vesículas com enzimas digestivas, cuja função é digerir substâncias que penetram na célula por fagocitose ou pinocitose, além de digerir estruturas celulares desgastadas pelo uso. 
Os lisossomos são originados no aparelho de Golgi.

B) Complexo de Golgi:  conjunto de membranas em forma de sacos, que estão sempre empilhados, dentro dos quais ocorre a armazenagem das substâncias produzidas no interior da célula.

C) Retículo endoplasmático: sistema de membranas que se apresentam sob forma de  canalículos, tubos e sacos, dentro dos quais circulam as substâncias fabricadas pela célula. Quando possui ribossomos aderidos, participa das sínteses proteicas e é denominado retículo endoplasmático rugoso. O retículo endoplasmático possui ainda outras funções: síntese de esteróides, inativação de certos hormônios e substancias nociva a saúde.

D) Ribossomos: são grânulos encontrados de forma livre no hialoplasma ou aderidos ao retículo endoplasmático. Está relacionado com as diversas sínteses proteicas que ocorrem no interior da célula.

E) Mitocôndria: são estruturas membranosas nas quais ocorre a respiração celular.

F) Cloroplastos: é estruturas membranosas que contém pigmento verde, a clorofila sendo responsáveis pela fotossíntese. Essas estruturas não estão presentes em células animais.

G) Centríolos: São cilindros tubulares relacionados com divisão e o esqueleto celular.

H) Vacúolo de suco celular: presentes principalmente em células vegetais participam do controle osmótico celular e do armazenamento de substancias.


- Permeabilidade da Célula:

Moléculas podem entrar na célula por meio de pequenos esporos existentes na membrana plasmática. A célula também pode absorver partículas relativamente grandes. Ao entrar em contato com a partícula a ser absorvida, a membrana plasmática sofre deformação, emitindo pseudópodos (falsos pés) que envolvem a partícula. As extremidades dos pseudópodos se fundem, a membrana plasmática sofre regeneração e a partícula passam a ser envolvida no interior da célula. Esse processo é chamado de Fagocitose. É o modo pelo qual os protozoários capturam seu alimento.
Já a Pinocitose é o processo utilizado pelas células para absorver partículas muito pequenas. O material a ser absorvido entra em contato com a membrana plasmática, que sofre uma invaginação, formando o canal da pinocitose. O material penetra por esse canal, que sofre a seguir um estrangulamento. a membrana plasmática sofre regeneração e o material absorvido fica dentro da célula, envolvido por uma bolsa, chamada pinossomo.


- O Núcleo da Célula:

Normalmente, as células possuem apenas um núcleo, mas existem células com dois ou vários núcleos. As células musculares estriadas, por exemplo, têm vários núcleos. 
No interior do núcleo existem um ou mais corpos densos, chamados de nucléolos, um liquido viscoso a carolinfa, e um emaranhado de fios, denominado cromatina.
Os seres vivos, de acordo com sua organização celular, podem ser classificados como procariontes ou eucariontes.
Eucariontes são os seres cujas células possuem um núcleo organizado, constituído pela carioteca, nucléolos e cromatina.
Os procariontes não possuem núcleo organizado em suas células. Não existe uma carioteca, que isola o material nuclear do citoplasma. A cromatina dos procariontes encontra-se numa região do citoplasma chamada nucleóide.

- Carioteca: a carioteca ou membrana nuclear é formada por duas membranas muito finas, semelhantes as demais membranas celulares. A carioteca possui poros chamados annulli, por onde macromoléculas podem passar do núcleo para o citoplasma e vice-versa.

- Cromatina: é o conjunto de cromossomos de uma célula em interfase, ou seja, uma célula que não esta se dividindo.
Nos procariontes, os cromossomos são constituídos por moléculas de DNA, cujas extremidades estão unidas por um bloco de proteína.
Nos eucariontes, os cromossomos são formados por moléculas de DNA, RNA e sais.

- Nucléolos: são estruturas ricas em RNA, existentes nos núcleos das células dos eucariontes.

Cromossomos: são filamentos longos e finos presentes no núcleo das células. Durante a divisão celular, os cromossomos sofrem condensação, transformando-se em bastões curtos e grossos.
Quando condensados apresentam em certas regiões constrições. Uma dessas constrições é chamada de centrômero.
Os genes, que irão determinar as características do individuo, estão localizados ao longo dos cromossomos são constituídos por moléculas de DNA.
Nas células da maioria dos seres vivos, os cromossomos estão dispostos dois a dois. Esses são os cromossomos homólogos.
As células que possuem pares de cromossomos homólogos são denominadas Diplóides. As células que apresentam apenas um cromossomo de cada tipo são chamadas haplóides.

(ADAPTADO POR MURILO VILLA)

Bom, espero que possam entender!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário